WebtivaHOSTING // webtiva.com . Webdesign da Bahia

prefeitura ilheus



agosto 2022
D S T Q Q S S
« jul    
 123456
78910111213
14151617181920
21222324252627
28293031  
videos


:: ‘BBB’

TV: Globo copia Casa dos artistas para salvar o BBB

Em 2018, o lucro líquido do Grupo Globo foi 35% menor na comparação com o ano anterior. A TV Globo faturou impressionantes 10 bilhões, mas os altos gastos de produção reduziram os ganhos. A vigente reestruturação geral na companhia visa enxugar as operações e fazer sobrar mais dinheiro.

Nessa nova fase, a emissora não pode abrir mão de um de seus principais produtos: o Big Brother Brasil. Cada edição gera de 300 milhões a 400 milhões de reais em cotas de patrocínio e ações de merchandising. Por isso, o canal precisa reabilitar o mais amado e odiado reality show da televisão brasileira.

BBB 20, marcado para começar em 21 de janeiro, tem a missão de oxigenar o formato da produtora Endemol e despertar novamente o interesse dos telespectadores. A última edição, vencida por Paula Von Sperling, teve a pior média de audiência (20 pontos, de acordo com o Ibope) desde a primeira temporada do programa, em 2002.

A cúpula do Big Brother – liderada pelo todo-poderoso diretor de núcleo Boninho – resolveu misturar famosos e anônimos. Foram convidados atores de novelas da Globo e influenciadores digitais que vão disputar o prêmio com pessoas comuns escolhidas nas seleções regionais.

Essa mistura de perfis lembra a terceira edição de outro reality, Casa dos Artistas. Em 2002, após duas temporadas exclusivamente com famosos, a atração do SBT confinou personalidades da mídia e fãs. O campeão foi Sergio Paiva, admirador da apresentadora e musa fitness Solange Frazão.

Apesar do cansaço manifestado por parte significativa do público em relação ao gênero reality show, a Globo está decidida a produzir o BBB por pelo menos mais cinco anos. Só vai desistir do formato quando tiver outro projeto com o mesmo potencial de faturamento e repercussão.

Quem ama dar espiadinhas no Big Brother Brasil está com a diversão garantida por mais algum tempo. Quem o detesta vai ter que renovar o palavrório contra o programa.

Vencedora do BBB 4, Cida perdeu prêmio de R$ 500 mil e hoje vive em quitinete

POR: VN

Gecilda da Silva dos Santos, 36, ficou conhecida no Brasil como Cida ao participar e vencer a quarta edição do BBB. O que era uma história que prometia um final feliz passou por várias reviravoltas, que acabaram levando a ex-babá a perder os R$ 500 mil que ganhou no reality, incluindo uma casa que adquiriu com o valor da premiação.

Assim que deixou a atração, Cida precisou contratar um advogado, pois um ex-companheiro reivindicava parte do prêmio. Além disso, ela foi fiadora de uma ex-assessora e emprestou dinheiro a parentes e amigos, incluindo um ex-BBB, que não a ressarciram. A impressionante história foi contada na edição desse domingo (1) do programa Domingo Show (RecordTV).

“Conheci uma pessoa, que se dizia assessora, e ela pediu para ser fiadora de uma casa para ela no [bairro carioca do] Recreio. Resumindo tudo, essa pessoa não pagou o aluguel do imóvel e me colocaram na Justiça”, disse a ex-BBB.
Cida contou, entre lágrimas, ter negociado com a dona da residência que reformaria a casa e, em contrapartida, teria seu nome retirado do processo. “Gastei o dinheiro todo que tinha e ela não tirou. Fiz a reforma e ela agiu de má-fé”.

A ex-babá acabou usando uma casa com piscina e varanda em Mangaratiba, no Rio de Janeiro -único bem que comprou com o prêmio do BBB- para quitar as dívidas que foram contraídas.


Atualmente, Cida vive em uma quitinete com o marido e dois filhos de relacionamentos anteriores. Sem emprego fixo, ela vende bolo de pote para ajudar nas despesas, custeadas em grande parte pelo salário de R$ 1.500 que o companheiro ganha como motoboy. Parte dos móveis usados no imóvel foram doados por Solange, colega de confinamento no reality.

Cida relembrou que era muito jovem ao deixar a atração e diz não se conformar em ter pedido tudo, mas que deseja ter de volta o imóvel de Mangaratiba. “Meu maior sonho é recuperar a minha casa. Fiquei um ano sem passar em frente. Agora já consigo passar na rua. Só a sala da minha casa era maior que esses cômodos daqui”, disse comparando com a atual residência.

 





web