WebtivaHOSTING // webtiva.com . Webdesign da Bahia

prefeitura ilheus camara ilheus prefeitura ilheus



julho 2022
D S T Q Q S S
« jun    
 12
3456789
10111213141516
17181920212223
24252627282930
31  
videos


:: ‘_destaque2’

ILHÉUS: VEREADORES ORGANIZAM FORÇA-TAREFA PARA AJUDAR O RIO ALMADA

Na sexta-feira (17), o presidente da Câmara de Vereadores de Ilhéus, Jerbson Moraes (PSD), reuniu pela segunda vez com autoridades e vereadores para discutir sobre a situação atual do Rio Almada. De acordo com Jerbson, a intenção é montar uma força tarefa com o Legislativo, autoridades e instituições, como o Corpo de Bombeiros e Marinha, para resolver o problema que já assola há anos a região.

O Rio Almada já vem com um problema de longas datas e recentemente tem piorado. Segundo o morador de Aritaguá, conhecido como Babito, o crescimento de vegetações conhecidas como amazonas, que são diferentes de baronesas, pois não soltam sozinhas com o nível das chuvas e das cheias, tem fechado o Rio e impedido o desenvolvimento da região. “Os moradores que usam o Rio para sobreviver, para tirar o sustento, têm tido grande dificuldade no ir e vir por conta dessa vegetação”, explicou Babito.

Devido aos prejuízos que a vegetação tem causado, vê-se a necessidade de uma força manual para poder soltá-las. “Esse é o intuito da nossa união. A vegetação vem crescendo ao longo dos anos e vem impedindo o desenvolvimento econômico daquela região, que é o turismo, a pesca. Diversos vilarejos dependem do Rio Almada: Aritaguá, Sambaituba, Castelo Novo, Juerana, Lagoa Encantada, Vila Campinhos, Urucutuca, entre outros mais distantes, mas que também usam o Rio e dependem da via fluvial para manter o trabalho do dia a dia’, destacou o presidente da casa Legislativa.

Demonstrando muita preocupação, Babito explicou que costuma subir o Rio com frequência, “para manter o canal do Rio aberto e poderem ter, no mínimo, os ligamentos dos vilarejos de um ao outro abertos. Porém, acontece com muita frequência o canal do Rio fechar e os moradores em geral ficarem sem ter como navegar”.

O Major Tadeu Gomes do Corpo de Bombeiros esteve presente nas reuniões e colocou sua equipe à disposição. “Com ou sem a presença de outras autoridades, nós vamos nos unir com os vereadores para resolver esse problema. E só iremos parar quando resolver, não existe a possibilidade da não resolução do problema”, enfatizou o Major, que também destacou a importância de sempre haver a manutenção para que não ocorra novamente tal situação.

Além de Jerbson Moraes, Babito e o Major Tadeu, participaram da última reunião os vereadores Tandick (PTB), Vinícius (PV), César Porto (PSB) e Ivo Evangelista (Republicanos). Os vereadores se comprometeram em entrar em contato com a Marinha, a CIPPA e outras instituições. Além de fazer nesta segunda-feira (20), uma visita in loco na região supracitada para observar de perto a situação e ter mais propriedade das demandas.

Política: Ciro e Cid Gomes são alvos da Polícia Federal, que apura fraudes em obras do Castelão

Segundo a Polícia Federal, a operação tem como objetivo apurar fraudes, exigências e pagamentos de propinas a agentes políticos entre os anos de 2010 e 2013| José Cruz/Agência Brasil

O ex-governador do Ceará e pré-canditato à Presidência pelo PDT, Ciro Gomes, foi alvo de operação da Polícia Federal na manhã desta 4ªfeira (15.dez). Mandados de busca e apreensão foram cumpridos contra Ciro, e o irmão dele, o ex-governador do Ceará e senador Cid Gomes, em investigação sobre supostas irregularidades na construção da Arena Castelão, em Fortaleza.

Segundo a Polícia Federal, a operação tem como objetivo apurar fraudes, exigências e pagamentos de propinas a agentes políticos e servidores públicos decorrentes de procedimento de licitação para obras no estádio Castelão, entre os anos de 2010 e 2013.

As investigações tiveram início em 2017 e apontaram para um esquema criminoso envolvendo pagamentos de propinas para que uma empresa obtivesse êxito no processo licitatório, com indícios de pagamentos de R$ 11 milhões em propinas diretamente em dinheiro ou “disfarçadas de doações eleitorais,” com emissões de notas fiscais fraudulentas por empresas fantasmas.

“Tenho 40 anos de vida pública e nunca fui acusado nem processado por corrupção.”, se manifestou Ciro Gomes nas redes sociais. Pedetista também afirmou que ação teve objetivo de criar danos a sua pré-candidatura à Presidência da República e avisou “Meus inimigos nunca me intimidaram e nunca me intimidarão.”

Uruçuca: Vereador Nilton Enfermeiro e Magnólia dialogam troca de apoio

O vereador Nilton Enfermeiro vem fortalecendo o diálogo com a presidente da Câmara de vereadores da cidade de Uruçuca, Magnólia Barreto, à um possível apoio para que ele venha ser seu sucessor na presidência do legislativo.

Caso seja confirmado, em troca, Niltinho estará apoiando a candidatura de Magnólia a prefeita em 2024.

Nilton e Magnólia são da base do atual prefeito da cidade, Moacyr Leite, o que pode facilitar o progresso da conversa.

Sou vereador que já tenho 3 mandatos, e em todos, sempre atuante, fiscalizando, legislando e buscando o interesse do povo uruçuquense. Acredito que pela vasta experiência que tenho, chegou o momento de contribuir como presidente da Câmara, pois sei da responsabilidade de estar à desta casa de leis, disse Nilton Enfermeiro.

Ilhéus: Prefeito faz reunião para definir ações emergenciais em áreas afetadas pelas chuvas

Após o diagnóstico, o prefeito orientou que as ações permanentes fossem intensificadas

O prefeito Mário Alexandre convocou uma reunião extraordinária com secretários e membros das Forças Armadas, de segurança e salvamento para avaliação geral dos prejuízos e danos causados pelas fortes chuvas que atingem a cidade de Ilhéus. Durante o encontro no Centro Administrativo da Conquista no final da tarde desta quinta-feira (9), equipes da Defesa Civil relataram a situação em áreas mais críticas do município.

Após o diagnóstico, o prefeito orientou que as ações permanentes fossem intensificadas, através de uma força-tarefa montada para minimizar os estragos e evitar tragédias provocadas pelos temporais.

“Mais um momento difícil. Só na quinta-feira foram registrados 44 milímetros de chuva, com previsão de mais 90 milímetros nos próximos dias. Vamos trabalhar em conjunto para cuidar e salvar a vida das pessoas, principalmente daquelas mais vulneráveis. Eu faço um pedido às pessoas que moram em áreas de riscos, procurem um local seguro para se abrigar, entrem em contato com a Defesa Civil e a Secretaria de Promoção Social. Nós estamos de prontidão para ajudar e alertar a todos”, disse Mário Alexandre.

O plano de contingência tem o objetivo de mapear as áreas de risco, definir ações estratégicas e dar suporte para que o Município realize intervenções mais céleres em casos de desastres naturais. Conforme Bebeto Galvão, Ilhéus é uma das poucas cidades que possui plano de prevenção e controle de impactos da chuva, fato associado ao empenho da atual gestão.

“Nós sensibilizamos diversas instituições no sentido de constituir um comitê para monitorar as regiões mais afetadas e oferecer uma ação de resposta, de modo a cuidar da vida humana. De acordo com a ocorrência será disponibilizada uma bandeira para sinalizar a gravidade do momento”, destacou o vice-prefeito.

A reunião contou com as presenças de membros do Corpo de Bombeiros Militar; Comando de Policiamento da Região Sul; 68ª, 69ª e 70ª Companhias Independentes de Polícia Militar; CIPE Cacaueira; CIPPA; Marinha do Brasil; Exército; Defesa Civil e secretarias de Promoção Social e Combate à Pobreza, Serviços Urbanos e Infraestrutura.

A Prefeitura emitiu alerta de chuvas intensas, com a previsão de 105 milímetros durante cinco dias. As informações são do Centro Nacional de Monitoramento e Alertas de Desastres Naturais (Cemaden). As atenções devem ser redobradas quanto a alagamentos, deslizamento e escoamento de terras, principalmente em áreas de riscos, como altos, morros e terrenos de encostas.

Na ocorrência de possíveis eventualidades, a população pode entrar em contato através dos números da Defesa Civil de Ilhéus: (73) 98836-2753 ou (73) 98178-2255.

APROVADO PROJETO DE LEI DE JERBSON MORAES QUE INSTITUI PROGRAMA DE INCENTIVO A CONTRATAÇÃO DE MULHERES EM SITUAÇÃO DE VIOLÊNCIA DOMÉSTICA

O Projeto de Lei nº 119/2021 de autoria do Presidente da Câmara de vereadores Jerbson Moraes (PSD), que institui o Programa de Incentivo a Contratação de Mulheres em situação de violência doméstica no Município de Ilhéus, foi aprovado em Sessão Extraordinária nesta quarta-feira (08), na Câmara Municipal de Ilhéus.

Segundo o vereador, autor do projeto, o objetivo é estimular a contratação de mulheres em situação de violência doméstica, objetivando apoiar a autonomia financeira, por meio de sua inserção no mercado de trabalho. “O programa consiste em mobilizar as empresas e estabelecimentos comerciais, localizados no Município de Ilhéus, a disponibilizarem vagas de emprego com prioridade a essas vítimas de violência doméstica e familiar, por meio da criação do “banco de empregos”, onde as empresas interessadas em participar do programa farão cadastro junto ao Poder Executivo Municipal”, explicou o edil.

A assistência especificada nesta Lei se restringe às mulheres domiciliadas no Município de Ilhéus, na Bahia. Uma das exigências é que o Poder Executivo disponha de departamento específico para o acolhimento das mulheres beneficiadas por esta Lei, cadastro e direcionamento para as empresas previamente cadastradas no programa.

Jerbson explicou que a violência contra a mulher existe em diversas formas – desde assédio moral até homicídio – que se manifesta contra ela simplesmente pelo fato de ser mulher. É uma forma de violência de gênero e esse crime é a maior maneira de violar os direitos humanos da mulher, sua integridade física, psicológica e moral. “Importante frisar, que na maioria das vezes, a violência aqui tratada não é realizada em público – como acontece com os homens, que agem de maneira violenta entre si publicamente, mas sim em âmbito privado. E é uma realidade na nossa cidade”, justificou o parlamentar.

Pesquisas comprovam que grande parte das mulheres vítimas de violência doméstica não procuram ajuda, e as que conseguem romper essa barreira, desistem da ação. Sendo uma das principais razões, o medo de não conseguir sustentar a familia por conta própria, já que muitas vezes a mulher depende economicamente do agressor, inclusive no sustento dos seus filhos. Para interromper esse ciclo vicioso é importante reconhecer que essas mulheres estão em situação de vulnerabilidade fumaceira, sendo necessário que as deem empoderamento por meio da oportunidade do emprego com encaminhamento prioritário, que deverá ocorrer com extrema discrição para que essas mulheres nao cheguem no local de trabalho rotuladas.

Anvisa aprova outro produto medicinal à base de Cannabis

A Agência Nacional de Vigilância Sanitária (Anvisa) aprovou nesta 4ª feira (1º.nov) mais um produto medicinal à base de Cannabis, planta conhecida principalmente pelo uso na produção da maconha. Denominado Canabidiol Verdemed 23,75 mg/mL, ele é o oitavo com autorização sanitária publicada pela autarquia e consiste em uma solução de uso oral que leva 23,75 mg/mL de canabidiol (CBD), com até 0,2% de tetraidrocanabinol (THC).

Segundo a Anvisa, o Canabidiol Verdemed deverá ser vendido em farmácias e drogarias. Somente pessoas que apresentarem prescrição médica por meio de receita de cor azul poderão efetuar a compra. A empresa Verdemed Farmaceutica fabricará o produto na Colômbia e, no Brasil, pode importá-lo já pronto para uso, além de dar início à distribuição e venda.

A Avisa acrescenta que o canabidiol só pode ser prescrito quando não houver outras opções terapêuticas disponíveis no mercado brasileiro. Cabe ao médico decidir sobre a indicação e forma de uso, e os pacientes precisam receber orientações detalhadas a respeito da utilização do produto.

Veja a lista dos oito à base de Cannabis já aprovados pela Anvisa:

– Canabidiol Prati-Donaduzzi (20 mg/mL; 50 mg/mL e 200 mg/mL);
– Canabidiol NuNature (17,18 mg/mL);
– Canabidiol NuNature (34,36 mg/mL);
– Canabidiol Farmanguinhos (200 mg/mL);
– Canabidiol Verdemed (50 mg/mL);
– Extrato de Cannabis sativa Promediol (200 mg/mL);
– Extrato de Cannabis sativa Zion Medpharma (200 mg/mL); e
– Canabidiol Verdemed (23,75 mg/mL).

Saúde: Anvisa aprova novo tratamento para HIV

Crédito: Agência Brasil

A Agência Nacional de Vigilância Sanitária (Anvisa) aprovou um novo medicamento para o tratamento do HIV. Trata-se da combinação de duas substâncias – a lamivudina e o dolutegravir sódico – em um único comprimido.

Para a agência, a aprovação representa um avanço no tratamento, já que reúne em uma dose diária dois antirretrovirais. “A possibilidade de doses únicas simplifica o tratamento e a adesão de pacientes”, informou, por meio de nota.

De acordo com a bula aprovada pela Anvisa, o novo medicamento reduz a quantidade de HIV no organismo, mantendo-a em um nível considerado baixo. Além disso, o remédio promove o aumento da contagem de cédulas CD4, que exercem papel importante na manutenção de um sistema imune saudável, ajudando a combater infecções.

Indicação

O novo medicamento será indicado como um regime complemento para o tratamento da infecção pelo vírus da imunodeficiência humana tipo 1 (HIV-1) em adultos e adolescentes acima de 12 anos pesando pelo menos 40 quilos, sem histórico de tratamento antirretroviral prévio ou em substituição ao regime antirretroviral atual em pessoas com supressão virológica.

O registro foi concedido ao laboratório GlaxoSmithKline Brasil Ltda. que, segundo a Anvisa, apresentou estudos de eficácia e segurança com dados que sustentam as indicações autorizadas.

Sebrae: Palestra em Ilhéus aborda novo olhar sobre artesanato e turismo

_Motivação e mudança de comportamento foram os pontos mais destacados durante o encontro realizado pelo Sebrae|Foto: Maurício Maron

Uma das maiores autoridades em Produção Associada ao Turismo e Turismo Criativo do Brasil, Miriam Rocha, esteve em Ilhéus, sul da Bahia, falando sobre o tema “Artesanato e Turismo – Um novo olhar”. O evento foi uma realização do Sebrae e reuniu empreendedores de diversas cidades da região, no auditório do Hotel Praia do Sol, na última quarta-feira, dia 24.

“O artesanato é a veia mais importante da cadeia turística. Eu consigo provar isso porque o turista chega ao destino e, além dos atrativos locais, precisa do artesanato como uma fonte agregadora de satisfação. Ele não faz turismo sem levar um presente, não viaja a lugar nenhum, seja trabalho, seja passeio, sem levar um presente daquele destino local. E aquele presente é o artesanato local. Então acaba que para o turismo e o artesanato estão cem por cento no mesmo nível”, pontuou Miriam Rocha.

A especialista também destacou a importância da valorização pessoal e dos produtos. “O artesão precisa se valorizar, precisa entender o mercado, precisa entender que o trabalho dele precisa ser valorizado, mas primeiro ele precisa valorizar o próprio trabalho. O que eu vejo muito é que as pessoas às vezes acham mais fácil comprar uma pedrinha na loja de bijuteria do lado e fazer aquela peça, do que buscar uma semente com um indígena local, ou então uma semente que tem no fundo do quintal de alguém para colocar e valorizar o ainda mais a peça”, alertou Miriam.

A palestra motivou bastante os empreendedores da região. De acordo com a gerente regional do Sebrae em Ilhéus, Claudiana Figueiredo, o objetivo foi fomentar os pequenos negócios e contribuir com o crescimento econômico a partir de um olhar ampliado e valorizando as potencialidades de riquezas local.

Bahia: Simulação inédita da PM aprimora a tropa nas ocorrências de crimes contra bancos

Explosões com granadas, tiros de festim e sirenes de viaturas marcaram a primeira simulação da Polícia Militar da Bahia para o aprimoramento da tropa nas ocorrências de crimes contra instituições financeiras, realizada nesta madrugada de sexta-feira (26), no centro de Jequié.

A simulação, inédita na Bahia, foi concluída com respostas imediatas e precisas pelos 22 policiais militares das Companhias Independentes de Policiamento Especializado (Cipes) que se formam hoje no Curso de Primeiras Respostas em Crimes contra Instituições Financeiras.

Iniciada às 2h20, a simulação durou quase duas horas e utilizou artefatos de grande impacto, disparos de tiros de festim e até carros incendiados nas possíveis rotas de fuga de criminosos, de forma transmitir a realidade dentro dos limites de segurança, garantindo a integridade da população e dos policiais militares participantes.

Toda a ação foi supervisionada pelo comandante de Operações de Inteligência (Coint), coronel Anildo Rocha, e do Comandante de Policiamento Regional do Sudoeste (CPR/SO), coronel Ivanildo Silva. A atividade prática aconteceu em toda área do 19° Batalhão e contou com a participação de policiais das unidades vizinhas (55ª CIPM, 79ª CIPM e 93ª CIPM) e de apoio tático e especializado (CIPT/Sudoeste, Cipe Central e CIPRv) na realização dos bloqueios e barreiras estratégicas.

Além da Polícia Militar, o simulado teve a parceria de outras forças da Segurança Pública, a exemplo da Polícia Civil, Corpo de Bombeiros Militar e Polícia Rodoviária Federal, que, juntos, mostraram a importância de uma ação coordenada e integrada, desde os primeiros procedimentos, para o sucesso da operação.

“O resultado desta simulação foi muito positivo. Tínhamos todos os riscos controlados e aferimos com segurança, precisão e excelência as condutas policiais que devem ser adotadas em uma situação real. Agradecemos todos os envolvidos e parceiros que tornaram possível essa grande simulação”, avalia o coronel Ivanildo.

Curso – Iniciado na segunda-feira (22), o Curso de Primeiras Respostas em Crimes contra Instituições Financeiras envolveu disciplinas como protocolo de primeiras respostas, modalidades de crimes, procedimentos iniciais nas ocorrências com explosivos, noções básicas de inteligência direcionada ao policiamento convencional, balística veicular, geolocalização, plano de ação emergencial, técnicas de combate motorizado rural e montagem de plano de bloqueio, totalizando 60 horas/aula no período de uma semana.

Além das aulas ministradas por oficiais da PMBA, foram realizadas palestras do tenente coronel Sávio Pelegrini (PMMT), que abordaram o plano de defesa utilizado e primeiras respostas em crimes contra instituições financeiras; o perito criminal Saulo Peixoto, da Coordenadoria Regional de Polícia Técnica de Jequié, falou sobre a preservação local de crime e cadeia de custódia; e a palestra do gestor de segurança privada Edson Barbosa, explanou sobre sinistros a carros fortes em vias intermunicipais.

Desenbahia confirma leilão de 14 imóveis a partir de R$ 85 mil

Terrenos, fazendas, centro comercial (Shopping Busca Vida) estão entre os imóveis de propriedade da Agência de Fomento do Estado da Bahia (Desenbahia) que irão a leilão no próximo dia 14 de dezembro, às 10h. A disputa aberta possui oportunidade de compra de 14 bens imóveis – conforme edital publicado – entre R$ 85 mil a R$ 20 milhões.

Com o leilão, a Desenbahia busca recuperar os recursos públicos aplicados em financiamentos, para utilizá-los em novas operações de crédito que ajudem a desenvolver a economia do estado.

O detalhamento e a descrição dos bens já podem ser obtidos por meio do site da agência . Os valores e as condições incluem a possibilidade de ser parcelado em até 120 meses – com entrada de 20%.

Os interessados podem agendar vistoria acompanhada e obter informações sobre os imóveis ao entrar em contato pelo e-mails mauricioleiloes@gmail.com e contato@hastaleiloes.com.br, telefones (71) 3103-1144/1256, (71) 3102-0220/ (71) 98735-5325 ou presencialmente de segunda a sexta-feira, das 8h às 12h, na Rua Ivonne Silveira, nº 213, em Salvador





web