WebtivaHOSTING // webtiva.com . Webdesign da Bahia

pm ilheus



outubro 2020
D S T Q Q S S
« set    
 123
45678910
11121314151617
18192021222324
25262728293031
videos


:: ‘_destaque2’

Covid-19: Ministério Saúde anuncia compra de 46 milhões de doses da Coronavac

Créditos: CNN

Após reunião com governadores dos estados, o Ministério da Saúde definiu a compra de 46 milhões de doses da vacina Coronavac, imunizante contra a Covid-19 testado pelo Instituto Butantan em parceria com a farmacêutica chinesa Sinovac Biotech.

Em fase final de testes e com baixos índices de efeitos adversos, a Coronavac ainda precisará ser devidamente aprovada pela Agência Nacional de Vigilância Sanitária (Anvisa). Correndo tudo certo, a distribuição será feita pelo Programa Nacional de Imunizações.

A decisão foi anunciada depois que técnicos do Butantan viajaram a Brasília para apresentar ao Ministério da Saúde as informações pedidas sobre a vacina chinesa. O Instituto Butantan é uma entidade técnica ligada ao Governo de São Paulo.

Acrescentadas as 46 milhões de doses da Coronavac, o Brasil pode chegar pelos acordos já definidos a um total na casa de 188 milhões de doses de imunizantes contra a Covid-19. Como as principais vacinas em teste trabalham com duas doses, esse total seria o equivalente à vacinação de cerca de 44% da população brasileira.

O total é composto também pelas cerca de 100 milhões de doses negociadas da vacina produzida pela Universidade de Oxford e pela farmacêutica AstraZeneca e por um contingente extra de imunizações previstas pelo Covax, o consórcio para a produção de vacinas das Nações Unidas.

O cálculo considera as informações do governo brasileiro a respeito do Covax. De acordo com o que foi anunciado no momento da adesão do Brasil ao Covax, o país teria direito a imunizantes para abarcar 10% da sua população.

As projeções mais recentes do IBGE trabalham com 212 milhões de habitantes no Brasil, o que resultaria em imunizações para 21,2 milhões de habitantes ou 42,4 milhões de doses.

Eleições 2020: Candidato a vice-prefeito sofre atentado durante carreata

O carro do candidato vice-prefeito em Maragogipe, Roque do Trator (PDT), foi alvejado por pedras na noite desta terça-feira (13). O caso ocorreu durante uma carreta da Chapa Maragojipe Feliz de Novo.


O crime ocorreu quando o candidato chegava na sede, a caminho da atividade de campanha, a pedra foi direcionada ao para brisa do carro. O candidato dirigia o veículo, mas não foi atingido, tendo apenas escoriações devido estilhaços do vidro, sua companheira também teve ferimentos leves.

O casal não conseguiu identificar os suspeitos. Roque do Trator, chegou a falar em perseguições durante todo o processo eleitoral, porém não identifica quem poderia ser o autor do atentado.
O candidato prestou depoimentos  na Delegacia Territorial de Maragogipe no dia seguinte.

Ilhéus: Assessor de Rosemberg Pinto (PT), é o escolhido para coordenar a juventude na campanha 55

A força da juventude na campanha de Marão 55 e Bebeto, candidatos a prefeito vice-prefeito de Ilhéus pela coligação “O Trabalho não Para”, contam com a liderança de Danillo Oliveira, assessor parlamentar do deputado Rosemberg Pinto (PT), líder do governo da Assembleia Legislativa da Bahia.

Jovem cidadão que tem contribuído para as lutas sociais e defesa de direitos, após declarar apoio à Marão, Danillo Oliveira assumiu a coordenação da juventude da campanha 55 em uma reunião com líderes da cidade e apoiadores da reeleição do atual prefeito de Ilhéus, realizada na última quarta-feira (7).

A experiência de Danillo vai contribuir e somar muito para a construção de ideias, propostas e discussões para atendimento das demandas da juventude, na construção de um diálogo saudável com o grupo político e as representações sociais. Ex-secretário de comunicação da juventude do PT da Bahia, ele também foi secretário de comunicação do PT de Ilhéus.

Em seus diálogos, Danillo tem destacado a manutenção dos avanços conquistados por Marão para os ilheenses, e também a esperança e muito trabalho para os próximos quatro anos, a fim de evitar que o retrocesso não retire Ilhéus dos trilhos do desenvolvimento social e econômico.

Itabuna: Cadastro Eletrônico do SUS será feito com os moradores do Jubiabá e Gabriela

A Prefeitura Municipal de Itabuna, através da Secretaria Municipal de Saúde, continua cadastrando os moradores de Itabuna que são usuários Sistema Único de Saúde com a finalidade de inserir os dados dos usuários no Sistema Eletrônico do SUS. O objetivo é otimizar o funcionamento de diversos setores das Unidades Básicas, permitindo que todo o histórico de cada paciente no SUS seja visualizado online.

Desta terça-feira (06) até sexta-feira (09), o cadastro estará sendo feito com os moradores dos Condomínios Jubiabá e Gabriela. Vale ressaltar que os dados estão sendo coletados pelos agentes de saúde. Os documentos necessários para o cadastro são: RG, CPF, Cartão do SUS, Certidão de Nascimento (para crianças), comprovante de residência, número do NIS e número do telefone.

Itabuna: De acordo com o boletim, a cidade tem menos de 2 mil casos ativos da Covid-19

Com uma curva de casos da Covid-19 em queda, a cidade de Itabuna chegou nesta terça-feira (29), 1.740 casos ativos da doença, de acordo com o boletim divulgado pela Vigilância Epidemiológica. O número é o menor desde 7 de julho, quando o município tinha registrado 1.701 casos ativos. A queda no número de casos é reflexo da atuação Prefeitura de Itabuna, através da Secretaria Municipal de Saúde, que não tem poupado esforços no combate à Covid-19.

Apesar dos dados em queda, o município segue com ações para enfrentar a doença e inaugurou 1º Centro de Atendimento para o Enfrentamento à COVID-19, sediado no bairro de Nova Ferradas, que irá atender toda aquela região. Em paralelo, a Prefeitura segue reforçando campanhas de conscientização sobre a necessidade da manutenção de medidas como isolamento social, higiene e distanciamento e uso de máscaras em locais públicos e em estabelecimentos comerciais.

O mais recente boletim divulgado na noite de ontem (29), informa que Itabuna tem um total de 12.484 casos confirmados da COVID-19, sendo que destes, 1.740 estão ativos, e 10.476 estão curados. Dos casos ativos, 28 pessoas estão internadas em UTI (8 leitos disponíveis), 4 em Unidade Semi-intensiva (4 leitos disponíveis) e 34 pacientes em leitos clínicos (60 leitos disponíveis). Vale ressaltar que as internações compreendem pacientes não apenas de Itabuna, mas também regulados de outras cidades da região.

Política ilheense: Conheça o candidato a vereador Fabrício Chimarrão (Podemos)

Crédito: nota do candidato

A zona sul de Ilheus vem apresentando diversas novas lideranças e entre elas está o Bacharel em Direito, Formando em economia, especialista em logística, músico, empresário, ativista social Fabrício Chimarrão.

Nascido e criado no bairro do Pontal, casado com Carina Oliveira, pai de Luca e Maria, filho do Dr.Graccho Maia e da professora Coló e neto de duas ilustres figuras do bairro, o Senhor David Maia e dona Allyete Maia, CHIMARRÃO, como é conhecido por todos, sempre está presente nos acontecimentos e demandas que envolvam a comunidade Pontalense.

Atento e preocupado com as necessidades da população da zona sul, em especial, sempre se mostrou solícito e prestativo para solucionar quaisquer pendências sejam elas em qualquer área.

Figuras como do Fabrício Chimarrão mostram, e nos dá esperança de que pessoas de bem tem que apresentar seus nomes cada vez mais para termos representantes que saem do seio do povo, e que honre o nome da sua família e da sua comunidade.

Política ilheense: Eleições municipais 2020; por Prof. Emenson Silva

Prof. Emenson Silva: Eleições 2020 em Ilhéus .

 

Muitas situações pairam sobre o cenário político nas eleições municipais em 2020. E o coronavírus foi o grande causador na mudança abrupta acerca do conceito e da forma de pensar e fazer política.
A COVID 19 mudou agendas, rotas, projetos pois devido a pandemia os candidatos evitarão aglomerações de pessoas, além de obrigá-los, a usar novas ferramentas para chegar ao eleitor. Em Ilhéus, oito candidatos estão na corrida ao palácio a saber: Marão ( PSD), Cacá (PP), Valderico (DEM), Cosme (PDT), Bernadete (PSOL), Reinaldo ( PTB), Roberto (SOLIDARIEDADE).

Desses candidatos acima, três despontam na opinião popular. O Prefeito Marão ( PSD), que busca a reeleição , que inegavelmente desenvolveu a infraestrutura da cidade, transformando Ilhéus, em um grande canteiro de obras nunca visto antes em parceria com o Governo Estadual, é obra para todo lado, lembrando que algumas delas antes era um sonho , hoje realidade como ponte Ilhéus / Pontal, Projeto Orla Sul e tanto outros, de fato, Marão se apresenta como a melhor opção . Cacá Colchões (PP), busca o retorno ao Poder, uma vez que já foi vice-prefeito e hoje representante do alcaide político da região Jabes Ribeiro (ex prefeito),este possui um grupo político consolidado, que estão na sede da busca do poder e acredito que este, polarize novamente com o prefeito Marão, devido a estrutura do grupo e a forma que fazem política há décadas na cidade, posso está equivocado, uma vez que é uma mera e singela análise. Do outro lado da ponta, temos o candidato Valderico (DEM), jovem da elite Ilheense, busca um caminho para se firmar no jogo político, mas ainda conta com a inexperiência política e tem a autossuficiência como sua grande marca, assim terá dificuldades para a consolidação de um grupo político coeso.

Diante de toda essa análise, posso considerar que, nas eleições municipais 2020, a participação ativa da população será de suma importância, esperamos que o eleitor tenha consciência de que quando ele vai escolher alguém , vai ser o líder que vai governar sua cidade por mais quatro anos. Então, é importante escolher um candidato que goste antes de tudo de gente e que respeite as regras do jogo. O eleitor terá papel importante em todos os processos desta eleição.

Assim, tenho a ousadia de perguntar , Ilhéus , entrou em caos político e administrativo nesses últimos anos? Houveram greves ? Houveram manifestações populares que paralisaram a máquina pública ? Houve cassação de prefeito? . Por outro lado, devemos responder de acordo com nossa consciência cidadã , houve melhora na infraestrutura da cidade? Houve reajuste salarial?Em meio a pandemia contratados tiveram seus contratos cessados ou acordados? Não constituiremos uma sociedade melhor sem analisarmos o seu passado, é preciso conhecer a história para entendermos o nosso tempo e seus respectivos atores.

Assim, é preciso buscar o caminho do progresso sempre e não do caos, temos candidatos experientes , mas também temos inexperientes ou novatos e estes por sua vez, acabam criando dificuldades para si mesmo.Jovens ou neófitos da política local que estão presos as velhas práticas que não conseguem fugir do discurso tradicional e impor um tom realmente novo, muitos que querem mudar a política , não passam de meras narrativas, “falam mais dos mesmos”.

Música: Ex-vocalista da Banda Paparicco, Miller Ramos, lança EP de Pagode Baiano

O cantor e compositor Miller Ramos, ex-vocalista da Banda Paparicco, lança às 12h desta sexta-feira (25), o EP Pode Dançar, com quatro faixas inéditas, que serão distribuídas nas plataformas digitais, como Spotify, Deezer, Tik tok, dentre outras.

O repertório, desse novo trabalho segue a linha dançante do pagode baiano e promete colocar a galera pra suar.

“A ideia é mostrar essa nova cara, do irreverente pagode baiano, conquistar a galera e continuar fortalecendo nosso segmento, na Bahia, no Brasil e no mundo inteiro”, declara Miller Ramos.

O EP foi produzido durante a pandemia, com o objetivo de animar e entreter os amantes da música baiana e conta com duas músicas do cantor da Timbalada Buja Ferreira em parceria com Jorginho do Psirico e JTelles, compositor de Foge Mulher Maravilha, um samba de roda do compositor de Barrote, Marinho Santanna e uma música de um grupo de novos compositores do pagode, chamado BTA Music. Nesta última canção, a proposta é incentivar o trabalho de novos artistas do pagode.

“Gostaria de seguir os passos do Psirico, Harmonia do Samba, Parangolé, Oz Bambaz, entre outros. Com isso, iniciei os ensaios “Noite da Pirracenta”, que estão suspensos em função da pandemia do novo coronavírus, mas estimulou o lançamento deste EP”, finaliza o artista.

Sobre Miller Ramos

O artista iniciou seu trabalho em 2005, numa banda de pagode da escola, chamada Pagokids, onde participava de festivais e concursos escolares.

Em 2011 montou uma banda de samba, chamada Samoleques, antes de se mudar para o Engenho Velho de Brotas, bairro bastante conhecido por ser um celeiro musical.

Foi convidado para cantar na Banda Samba de H, e começou a conhecer outros artistas do samba e do pagode. Durante este período abria os shows da Banda Paparicco, até receber a proposta de cantar na mesma, em 2014 e permaneceu como vocalista da Banda Paparicco durante cinco anos.

Em outubro de 2019, saiu da Banda Paparicco e lançou carreira solo em janeiro de 2020, ao longo deste primeiro ano de carreira solo, participou de pré-carnavais de bairros, Lavagem de Itapuã, Carnaval de Salvador, e vinha realizando o ensaio noite da pirracenta, até começar o isolamento social em função da pandemia do coronavírus.

Ilhéus: Seduc apresenta live sobre acessibilidade e inclusão social durante programação desta semana

A Secretaria Municipal de Educação, Esporte e Lazer (Seduc) divulgou a agenda virtual da semana compreendida entre 21 e 25 de setembro, com programação voltada à acessibilidade, inclusão social e às ações referentes ao Setembro Azul, mês da visibilidade da Comunidade Surda Brasileira. Nesta segunda-feira (10), foram exibidos depoimentos de pessoas com a deficiência, através do Instagram da Seduc.

Na terça-feira (22), será exibida a aula virtual para os alunos inscritos no projeto Arte e Dança, na plataforma Zoom, às 14 horas. O público também poderá acompanhar a live especial “Acessibilidade, Inclusão Social e Educação de Pessoas Surdas”, com Aline Oliveira, Gis Dantas e Danielle Pimentel, às 14h, no canal da Seduc no YouTube. Na quarta-feira (23), gestores das unidades escolares participarão do encontro presencial sobre o programa Escola Aberta, das 8h às 12h.

Ainda na quarta-feira será exibida a videoaula “Práticas de Ensino Bilíngue”, em alusão ao Setembro Azul, com Isabel Rosário. A videoaula é aberta ao público e será transmitida às 10h, no canal da Seduc no YouTube. A videoaula aberta ao público intitulada “Cultura e Literatura Surda”, com Gabriel Nascimento, será exibida na quinta-feira (24), às 10h, no também YouTube.

A agenda segue com a reunião para os cursistas do Programa de Apoio à Educação Municipal (PROAM) – Sistema de Informações sobre Orçamentos Públicos em Educação (SIOPE), às 10h, na plataforma Zoom. Na sexta-feira (25), será transmitida a videoaula “A acessibilidade está em nossas mãos”, com início do curso básico de Libras, às 10h, no YouTube. Os roteiros de aprendizagens dos ciclos 1 a 5 e EJA serão exibidos para alunos da rede municipal, através do Facebook, Instagram e WhatsApp, nos dias 24 e 25 de setembro.

COVID-19: ‘Sintomas na reinfecção têm se mostrado mais fortes’, diz infectologista

A reinfecção pelo novo coronavírus é um dos tópicos da comunidade científica, no momento, após casos desse tipo terem sido identificados na China e Estados Unidos.

Segundo Max Igor Banks, médico infectologista do Hospital das Clínicas em entrevista à CNN, nesta sexta-feira (18), ainda não há prova “irrefutável” de que a reinfecção é comum, mas que os casos registrados confirmam a existência do fenômeno.

“Existe a reinfecção pelo novo coronavírus, isso já foi confirmado em algumas ocasiões. Porém isso não ocorre de maneira frequente e não é simples de dizer quando há a reinfecção.”

Ele diz que os casos relatados apresentam características diferentes, mas que é mais comum que a retomada da doença ocorra de forma mais intensa.

“Há casos de pessoas que não apresentam sintomas na segunda vez que contraem o vírus. Porém, no caso dos Estados Unidos, a segunda vez apresentou sintomas mais fortes. Essa é uma situação mais próxima da que observamos no Brasil,” disse Banks.

“A tendência é de maior intensidade da doença na reinfecção, porém não estamos vendo situações graves nestes casos. Os anticorpos para doenças respiratórias duram pouco tempo, os da Covid-19 também se comportam assim.”

O infectologista diz achar difícil que o vírus saia de circulação, mas que caso as vacinas evitem quadros graves da doença, a humanidade poderá conviver com a Covid-19.

“Se a vacina evitar casos graves, já pode ser considerada um sucesso. Acho improvável que o vírus suma de circulação, a diferença é que, sem quadros graves, a doença deixa de ser tão importante.”











rl consultoria




web