Foto: Laudecy Lisboa

A Câmara de Vereadores de Una realizou uma Sessão Especial, com o objetivo de homenagear dois de seus mais antigos membros, Vereador Itanael de Góis, conhecido carinhosamente como “Tanda”, que completou cinco mandatos consecutivos, e Vereador Juvenal Trindade, que alcançou a notável marca de seis mandatos ininterruptos, demonstrando um compromisso inabalável com o serviço público local.

A iniciativa para as homenagens partiu da Vereadora Marijane, que reconheceu a importância de celebrar a dedicação e a contribuição de Itanael de Góis e Juvenal Trindade para a cidade de Una. Com o apoio unânime dos demais parlamentares, a Sessão Especial se tornou um momento significativo para destacar a trajetória exemplar desses dois vereadores.

Foto: Laudecy Lisboa

Além das expressivas homenagens, o evento contou com a presença de notáveis autoridades municipais, e uma delas  foi o maior líder e político do município, o Prefeito Tiago de Dejair, e o Secretário de Educação, Esporte, Lazer e Cultura, Rogério Borges, que se juntaram à comunidade de Una para reconhecer a dedicação e o compromisso de Tanda e Juvenal para com a cidade.

Imagens: Câmara Municipal de Una

Se Tanda nos inspira pela força, pela garra. Juvenal nos inspira pela sabedoria, humildade, paciência. E eu vou sempre aprendendo com esses caras, mas eles têm uma característica em comum, nunca chegaram ali no gabinete do prefeito pra pedir nada para eles, todo pedido é feito para comunidade. Disse o prefeito Tiago de Dejair.

 

O fato de hoje, a casa do povo estar recheada com o povo, isso quer dizer que eles vêm prestando um bom trabalho. A gente aprende a cada dia com vocês. Disse o secretário de educação Rogério Borges.

 

 

Vídeos produzidos por moradores e amigos foram exibidos, nos quais pessoas da comunidade compartilharam histórias e depoimentos emocionantes sobre as contribuições de Tanda e Juvenal para a cidade. Uma das homenagens mais marcantes veio da comunidade indígena local. Representantes dos povos indígenas participaram da Sessão Especial, apresentando músicas tradicionais que simbolizavam o respeito e a gratidão por Tanda e Juvenal, que sempre se mostraram solidários e comprometidos em apoiar as causas indígenas em Una.