WebtivaHOSTING // webtiva.com . Webdesign da Bahia

camara ilheus



outubro 2021
D S T Q Q S S
« set   nov »
 12
3456789
10111213141516
17181920212223
24252627282930
31  
videos


:: 22/out/2021 . 20:41

Agenda cultural: A volta da boate do “boca du mar”, em Ilhéus, vende 100 ingressos em duas horas

Vocês estavam com saudade dos eventos no boca du mar?

Está de volta a melhor boate de Ilhéus no Boca. Vem aí, dia 13 de novembro, às 22h, “Round Party” O Início dos jogos!

Para esquentar as brincadeiras dos jogos no boca, terá show com a sensação das batidas dos paredões Teko Bolado, com Emílio (ex Tropa da bregadeira) no comando de seu novo projeto Bregatrap e para completar, o estouro do momento, a Dj Sara Lemes quebrando tudo.

Pensa que acabou?  novidades ainda serão confirmadas!

Garanta seu ingresso

A organização do evento Round Party liberou no dia de hoje (22/10) a venda pela internet diretamente no site da Sympla. Em 2h foram esgotados os 100 primeiros ingressos promocionais. A produção do evento decidiu disponibilizar mais 100 ingresso com valor do primeiro lote, então corra e garanta logo o seu antes que sofra reajuste. Segue abaixo link para compra dos últimos ingressos deste lote.

https://www.sympla.com.br/round-party—o-inicio-dos-jogos__1388133

 

ATENÇÃO

OS INGRESSOS SERÃO LIMITADOS DEVIDO AO DECRETO MUNICIPAL.

ILHÉUS: PREFEITURA EMITE NOTA DE ESCLARECIMENTO SOBRE O TRANSPORTE PÚBLICO

    Em razão de notícias veiculadas na imprensa sobre a homologação de transação judicial entre o Município de Ilhéus e empresas concessionárias do transporte público municipal, a Prefeitura de Ilhéus vem a público esclarecer, de início, que a medida foi fiscalizada pelo MINISTÉRIO PÚBLICO e homologada pelo PODER JUDICIÁRIO, sendo adotada pelo ente municipal somente para defender a preservação do patrimônio e interesse públicos.

 Isso porque, restou demonstrado por meio de provas periciais, o prejuízo das concessionárias em razão do decreto municipal de paralisação das atividades do transporte público como consequência da pandemia da Covid-19, e que o Município de Ilhéus deveria arcar com todo o dano financeiro das empresas.

Caso a ação indenizatória, ajuizada logo no início da paralisação, seguisse o curso até o proferimento da sentença, a quantia a ser paga pelo Município, poderia ser bem superior ao valor pleiteado de R$ 22,74 milhões, com mais os juros e correção monetária, uma vez que ultrapassaria em muito a quantia de R$ 7,5 milhões para cada concessionária.

Por isso, a solução jurídica foi a composição entre as partes sob as respeitadas guaridas do Ministério Público e da Justiça, com vistas a minimizar o impacto financeiro do erário público e garantir o rápido restabelecimento da prestação do serviço com melhor qualidade, com aumento das frotas e circulação dos ônibus, e em sua integralidade, para que a população não continuasse sentindo os efeitos negativos da falta de ônibus e linhas, e para evitar a interrupção da prestação do transporte coletivo.

Isso em razão de a quantia a ser despendida dos cofres públicos municipais para as empresas de ônibus, não está sendo paga como indenização como noticiado de forma equivocada, mas a título de subsídio – permitido pelo contrato de concessão – tão somente e para a eficaz prestação do serviço do transporte público, mediante fiscalização do órgão competente para a melhoria do serviço.

Vale ressaltar que o Município de Ilhéus continua com todos os poderes e autoridade para apurar a prestação do serviço pelas empresas concessionárias. As cláusulas previstas no acordo podem ser revistas a qualquer momento, de modo que o Município não está obrigado a pagar qualquer subsídio de forma irreversível, pois foi garantido o poder da revisão, demonstrando o retorno da normalidade da prestação dos serviços e o fim dos impactos financeiros da pandemia.

A Prefeitura de Ilhéus reafirma o seu compromisso pelo respeito e máxima responsabilidade pela res pública, aos princípios da legalidade e transparência, ao suado dinheiro pago pelos contribuintes que alimentam o erário e, sobretudo, aos cidadãos e cidadãs desta cidade, que merecem a dignidade na prestação dos serviços, principalmente em relação a um transporte público municipal de qualidade.

PREFEITURA MUNICIPAL DE ILHÉUS

Congresso: Senado aprova auxílio para santas casas e hospitais filantrópicos

Foto ilustrativa

O Senado aprovou na noite de 5ª feira (21.out), por unanimidade, o projeto de lei que concede auxílio emergencial de até R$ 2 bilhões para santas casas e hospitais filantrópicos que participam de forma complementar do Sistema Único de Saúde (SUS). O texto segue agora para votação na Câmara.

A proposta, de autoria do senador Luis Carlos Heinze (PP-RS), tem como objetivo ajudar na manutenção de atendimentos à população e evitar um colapso financeiro das instituições por conta da pandemia de covid-19. Segundo o texto, os recursos serão entregues de forma proporcional pela União por meio dos fundos de saúde estaduais, distrital ou municipais, em até 15 dias a partir da publicação da lei.

Pela medida, santas casas e hospitais filantrópicos receberão recursos mesmo que haja débitos ou inadimplência das entidades beneficiadas. A proposta determina também que o Ministério da Saúde deve coordenar a distribuição do dinheiro, e acrescentou a previsão de que os recursos podem ser usados em pesquisa.





web