WebtivaHOSTING // webtiva.com . Webdesign da Bahia

prefeitura de ilheus



março 2021
D S T Q Q S S
« fev   abr »
 123456
78910111213
14151617181920
21222324252627
28293031  
videos


:: 12/mar/2021 . 21:38

Ilhéus: venda de bebidas alcoólicas e cabanas de praia estão suspensas neste final de semana

Cabana Costa do Cacau

Um novo decreto publicado pela Prefeitura de Ilhéus na manhã desta sexta-feira (12) proíbe o funcionamento de cabanas de praia, nos dias 13 e 14 de março de 2021. Já a venda de bebida alcóolica em quaisquer estabelecimentos, inclusive por sistema de entrega em domicílio (delivery), está vedada das 18h do dia 12 de março até às 5h do dia 15 de março de 2021. O toque de recolher, determinado pelo Governo do Estado, segue das 20h às 5h até o dia 1º de abril de 2021.

Segundo o Executivo, a decisão foi tomada após reunião do Gabinete de Crise e visa conter a transmissão da Covid-19, tendo em vista a alta taxa de ocupação em leitos de UTI e a circulação das variantes do Reino Unido e de Manaus no município.

Nota de Esclarecimento: Leitos contratados em Camacan

A Secretaria da Saúde do Estado (Sesab) refuta acusações caluniosas afirmadas em vídeo por um senhor de nome Thiago Martins a respeito de recursos utilizados para contratação de leitos no município de Camacan.

A Secretaria da Saúde do Estado esclarece que firmou contrato com a Fundação Gonçalves e Sampaio (FGS) para prestação de serviço assistencial a pacientes diagnosticados ou com suspeita de Covid-19 no Hospital AMEC, no município de Camacan. São ao todo 20 leitos clínicos e um pronto atendimento com dois leitos de estabilização, visando o enfrentamento da emergência da saúde pública de importância internacional decorrente do coronavírus.

O processo de contratação emergencial seguiu todos os trâmites legais, sendo remunerado com os mesmos valores das demais Unidades Covid contratadas em todo o estado (R$220 mil reais para o Pronto Atendimento e R$708,57 por diária de leito clínico). Os pagamentos das contraprestações mensais são efetuados após rigorosa apuração e análise da Sesab, o que inclui apresentação das documentações comprovando a assistência prestada ao paciente e também que a inserção das informações nos sistemas do Ministério da Saúde.

A Secretaria da Saúde do Estado reafirma o compromisso com o cuidado dos baianos, principalmente neste momento de pandemia, em que é necessária a expansão da rede de atendimento. Ainda pontua que a regionalização do atendimento é muito importante, uma vez que faz com que os pacientes sejam atendidos na região onde reside.

TV: SBT divulga a chamada do Vem pra Cá, novo programa da emissora com Patrícia Abravanel e Gabriel Cartolano

O SBT  começou a veicular as primeiras chamadas do programa Vem pra Cá, atração de Patrícia Abravanel e Gabriel Cartolano no comando, agendada para estrear no próximo dia 22, às 9h45 da manhã. “O programa que vai mudar a sua rotina”, diz a locutora do vídeo de 15 segundos.

A atração é uma revista eletrônica que se aproxima muito do que já conhecemos por ai, como Hoje em Dia (Record TV), Mais Você (Globo) e Encontro (Globo). O objetivo é atrair audiência e, principalmente, faturamento, em uma faixa em que o público está acostumado com os enlatados e reprises do infantil Bom Dia e Cia.

O projeto inicial foi desenhado para Ivan Moré e Ticiana Villas Boas, que gravarem pilotos e foram muito elogiados pela direção do canal. No entanto, a decisão do dono da emissora, Silvio Santos, alterou inesperadamente a apresentação e Patrícia e Cartolano foram definidos para assumir o posto.

Em tempo, Villas Boas deixou a emissora rumo à Band e levou o patrocínio da JBS (empresa brasileira de alimentos) junto com ela. Ivan Moré, por sua vez, tem chances de fechar contrato com a emissora para comandar um esportivo diário, no horário do almoço.

“Usam o vírus para te oprimir”, diz Bolsonaro sobre lockdowns

O presidente Jair Bolsonaro (sem partido) criticou novamente nesta 5ª feira (11.mar), em sua live semanal, as medidas restritivas de circulação decretadas por governadores em alguns estados.

“Usam o vírus para te oprimir, para te humilhar, para tentar quebrar a economia”, afirmou. “Eu sou a pessoa mais importante nesse momento. Faço o que o povo quiser e devo lealdade ao povo.”

Bolsonaro chamou o lockdown decretado no Distrito Federal, entre 22h e 5h, de “estado de sítio”. “Olha Brasília, estado de sítio, direito de ir e vir. Não pode sair na rua. Bota no lixo a Constituição. Daqui a pouco ele diz: ‘Não, não, vou botar de 18h às 8h’. Daqui a pouco você está preso. Acabou a sua liberdade”, disse. “É um crime o que o governo do Distrito Federal está fazendo.”

“O caldo vai entornar. O povo com fome perde a razão, topa tudo. Estou antevendo um problema sério no Brasil. Não quero falar, pois não quero que digam que estou estimulando a violência”, acrescentou.











rl consultoria




web