WebtivaHOSTING // webtiva.com . Webdesign da Bahia

pm ilheus



novembro 2019
D S T Q Q S S
« out   dez »
 12
3456789
10111213141516
17181920212223
24252627282930
videos


:: 11/nov/2019 . 15:27

EMPREGOS: Vagas do Sinebahia de Ilhéus para terça-feira (12)

SINEBAHIA oferece vagas de empregos para está terça- feira (12). Interessados devem se dirigir a unidade do SineBahia no SAC sala 14, situada à Rua Eustáquio Bastos, 308 Centro Ilhéus e/ou acessar o site empregabrasil.mte.gov.br, imprescindível portar CTPS, RG, CPF, comprovantes de residência e escolaridade. 

AUXILIAR ADMINISTRATIVO (PCD)
Vaga exclusiva para Pessoas com deficiência
Ensino médio completo

Experiência mínima de 06 meses comprovada em carteira de trabalho
Apresentar laudo
01 VAGA

REPOSITOR EM SUPERMERCADO ( PCD )
Vaga exclusiva para Pessoas com deficiência
Ensino Fundamental Completo
Possuir experiência na Função
Apresentar Laudo
01 VAGA

ENFERMEIRO
Ensino superior completo

Experiência mínima de 06 meses comprovada em carteira de trabalho na área de emergência pediátrica e UTI
01 VAGA

RECEPCIONISTA DE HOTEL
Ensino médio completo

Experiência mínima de 06 meses comprovada em carteira de trabalho
Possuir conhecimento em informática
01 VAGA

MANICURE
Ensino médio incompleto
Experiência mínima de 06 meses na Função
01 VAGA

VENDEDOR
Ensino médio completo

Experiência mínima de 06 meses comprovada em carteira de trabalho
Residir nas proximidades do Malhado
01 VAGA

VENDEDOR EXTERNO
Ensino médio completo

Experiência mínima de 06 meses comprovada em carteira de trabalho
Possuir CNH categoria AB
01 VAGA

ENTREGADOR DE GAS
Ensino médio completo

Experiência mínima de 06 meses comprovada em carteira de trabalho
Residir na Zona Sul de Ilhéus
01 VAGA

TECNICO EM BALANÇAS
Ensino médio técnico em Automação, eletrotécnica, Mecatrônica, Instrumentações ou eletromecânica
01 VAGA

AUXILIAR DE ELETROTECNICO
Ensino médio técnico em Automação, eletrotécnica, Mecatrônica, Instrumentações ou eletromecânica
01 VAGA

PIZZAIOLO
Ensino Fundamental Completo

Experiência mínima de 06 meses comprovada em carteira de trabalho
01 VAGA

GARÇONETE
Ensino médio completo

Experiência mínima de 06 meses comprovada em carteira de trabalho
01 VAGA

PETISQUEIRA
Ensino médio completo

Experiência mínima de 06 meses comprovada em carteira de trabalho
01 VAGA

TECNICO DE MANUTENÇÃO ELETRICA E HIDRAULICA
Ensino médio completo

Experiência mínima de 06 meses comprovada em carteira de trabalho

Possuir Curso NR10, NR35 e conhecimento na área de manutenção elétrica, hidráulica e refrigeração

01 VAGA

AUXILIAR DE MANUTENÇÃO ELETRICA E HIDRAULICA
Ensino médio completo

Experiência mínima de 06 meses comprovada em carteira de trabalho

Possuir Curso NR10, NR35 e conhecimento na área de manutenção elétrica, hidráulica e refrigeração

01 VAGA

TAPECEIRO
Ensino Fundamental Completo
Experiência mínima de 06 meses comprovada em carteira de trabalho
01 VAGA

MONTADOR DE MOVEIS
Ensino Médio Completo
Experiência mínima de 06 meses comprovada em carteira de trabalho

01 VAGA

MECÂNICO DE MOTOR A DIESEL

Ensino Fundamental Completo

Experiência mínima de 06 meses comprovada em carteira de trabalho

01 VAGA

MUNDO VIRTUAL: Recurso do Whats agora impede que você seja adicionado em grupos

Meses depois de iniciar alguns testes, o WhatsApp finalmente traz para o Brasil (e para o mundo) um dos recursos mais esperados do momento: ter o poder de escolher quem pode nos adicionar nos grupos do serviço de mensagens. Com a novidade, ninguém vai mais conseguir ser adicionado em nada aleatoriamente. O usuário terá a opção de escolher os contatos cadastrados em sua agenda que podem ou não inclui-lo nos grupos (antigos ou novos).

O novo sistema de convites começou a funcionar globalmente nesta semana e a atualização deve começar a funcionar aos poucos para os usuários. O sonho virando realidade O WhatsApp finalmente ouviu os seus usuários. A mudança representa um marco quando o assunto é ter mais controle e privacidade (e paz, obviamente). Até então, só era possível impedir a inclusão em determinado grupo se o usuário bloqueasse o administrador ou os administradores. Outra opção era sair de uma conversa por pelo menos duas vezes. O WhatsApp bloqueava o convite e a pessoa não era mais perturbada com isso. Bem burocrático, não?

Agora é só abrir o WhatsApp e ir nas configurações:

Entre na “Conta” e procure a opção “Privacidade”

Em seguida, vá nos “Grupos” e selecione uma das opções abaixo:

– “Todos”: qualquer pessoa pode adicionar você em grupos sem que você autorize;

– “Meus contatos”: somente as pessoas que você salvou na sua lista de contatos poderão adicioná-lo nos grupos;

– “Meus contatos, exceto”: você escolhe os contatos específicos cadastrados em sua agenda que não poderão incluir você nos grupos.

Nos dois últimos itens, você vai receber um convite individual – em uma conversa privada — informando que alguém deseja incluir o seu perfil dentro de determinado grupo. O prazo para o aceite é de três dias.

Depois disso, ele expira. Mais mudanças vindo por aí? Os planos do WhatsApp de dar mais controle para os usuários passam pela ideia de tornar as informações que circulam na ferramenta mais claras e transparentes. Alguns testes, por exemplo, envolvem não só limitar a capacidade que temos de encaminhar um conteúdo para os nossos contatos, mas proibir de vez que ele apareça nos grupos.

Duas das estratégias do WhatsApp na luta contra a disseminação de boatos é começar a mostrar quantas vezes uma mesma mensagem foi encaminhada. E, se ela tiver sido reenviada mais de cinco vezes, uma marcação com os dizeres “encaminhadas com frequência” passa a ficar em destaque para o usuário. Com isso, o internauta ficaria mais alerta e com maior controle para refletir se determinada informação pode ser falsa ou verdadeira. Na parte dos grupos, um outro teste envolve impedir que as mensagens encaminhadas muitas vezes sejam compartilhadas dentro deles. O poder fica ainda na mão dos administradores do grupo, que passam a ter a opção de escolher se os conteúdos reenviados mais de cinco vezes podem ser postados por lá.

ESPORTE: Como ficam as vagas do Brasil na Libertadores se Flamengo vencer o torneio

GABIGOL

Com o Flamengo cada vez mais perto de ser campeão brasileiro este ano – a equipe pode até mesmo confirmar o título no próximo final de semana por combinações de resultados – a briga entre os times mais abaixo na tabela fica por uma vaga para a Libertadores da América fica cada vez mais acirrada. O Brasil pode ir para a Libertadores de 2020 com oito times como aconteceu nos últimos três anos. O cenário para o ano que vem se confirmaria caso o Flamengo seja campeão do torneio continental no próximo dia 23, contra o River Plate.

No momento, o Brasileirão tem um G7 para a Libertadores e estariam classificados Flamengo, Palmeiras, Santos, Grêmio, São Paulo e Internacional. Em 6º, o Athletico-PR tem vaga garantida por ter sido campeão da Copa do Brasil. Assim, os quatro primeiros colocados iriam direto para a fase de grupos, além do Athletico-PR. São Paulo e Internacional disputariam a primeira fase por uma vaga nos grupos.

Como o Brasil pode ir para a Libertadores com oito times em 2020:

Se o Flamengo for campeão da Libertadores e o Athletico ficar entre os seis primeiros

Se o Flamengo for campeão contra o River Plate, vai para a Libertadores como o campeão do torneio de 2019 e outra vaga se abriria via Brasileirão. Assim, a tabela ganharia um G8. Hoje, o principal beneficiado com isso seria o Corinthians, 8º colocado com 49 pontos. Além da vaga para a competição, outro ponto mudaria em caso de título do Flamengo. Isso porque no momento só os quatro primeiros na tabela do Brasileirão entram direto na fase de grupos da Libertadores, além do campeão da Copa do Brasil. Os outros dois disputam as primeiras fases da competição para tentar se classificar à fase de grupos. Se o Flamengo for campeão contra o River, o G4 vira G5 e hoje o São Paulo se beneficiaria por estar em quinto, com 52 pontos.

Se o Flamengo for campeão da Libertadores e o Athletico ficar entre os cinco

Nesse cenário, o G5 para definir os times que entram diretamente para a fase de grupos da Libertadores de 2020 viraria G6 por causa do Athletico-PR (campeão da Copa do Brasil. Assim, 7º e 8º colocados na tabela do Brasileirão disputariam a primeira fase da Libertadores em busca da vaga na fase de grupos. Hoje, esses times seriam Internacional e Corinthians.

Governo publica resultado da prova de títulos do concurso para auditor fiscal

A Secretaria da Administração (Saeb), por intermédio da Superintendência de Recursos Humanos (SRH) publicou, na edição deste sábado (9), do Diário Oficial do Estado (DOE), resultado final da prova de títulos do concurso público para auditor fiscal do estado. Confira a relação com os candidatos habilitados nesta etapa (Prova IV-Títulos).

A Superintendência também publicou no DOE deste sábado a convocação dos candidatos que se declararam com deficiência para realização de perícia na Junta Médica do Estado, no dia 21 deste mês. Na mesma edição do Diário Oficial do Estado, a SRH também publicou a convocação dos candidatos que se autodeclararam negros para a realizarem o procedimento de heteroidentificação, no dia 17 de novembro.

Para obter todas as informações a respeita das convocações e do resultado final da Prova de Títulos, os candidatos podem acessar a Portaria SRH/Saeb nº 183 e seus anexos no site da organizadora do certame, a Fundação Carlos Chagas (FCC). As informações também estarão disponíveis no Portal do Servidor.

Lançado em fevereiro deste ano, de forma conjunta pelas secretarias da Administração (Saeb) e da Fazenda (Sefaz), o concurso conta com 60 vagas, sendo 24 são para a área de Administração, Finanças e Controle Interno; 17 para Tecnologia da Informação; e 19 para Administração Tributária. O concurso tem validade de um ano, podendo ser renovado por igual período.

O concurso público para auditor fiscal, promovido pelas secretarias da Administração (Saeb) e da Secretaria Fazenda (Sefaz), registrou 13.169 inscritos – sendo 4.117 destes concorrendo às vagas reservadas para negros e deficientes. Encerradas no dia 5 de abril, as inscrições aconteceram, exclusivamente, pela internet.

A função com maior número de inscritos é para atuação em Administração, Finanças e Controle Interno, com 6.095 candidatos. Ao todo, são ofertadas 60 vagas – 24 são para a área de Administração, Finanças e Controle Interno, 17 para Tecnologia da Informação e 19 para Administração Tributária. De acordo com a legislação específica, é assegurada que 5% do percentual das vagas seja reservada a pessoas com deficiência e outros 30% sejam direcionados aos candidatos que se autodeclarem negros.

Vítimas de clonagem de veículos devem prestar queixa na polícia e abrir processo no Detran

Acumular dívidas de multas e aumentar a pontuação na carteira de habilitação, não sendo o responsável pelas infrações, são transtornos enfrentados por quem teve o veículo clonado. O clone é geralmente proveniente de furto ou roubo. Ele tem as mesmas características do veículo original, como marca, modelo e cor, e usa cópias das placas para escapar da fiscalização.

O indício de clonagem surge quando o proprietário não reconhece infrações registradas em nome dele, que aconteceram em locais por onde o seu veículo não teria transitado. Para resolver o problema, a pessoa deve prestar queixa na delegacia e depois se dirigir ao Departamento Estadual de Trânsito (Detran-BA) para apresentar a defesa e dar entrada no processo de clonagem veicular, solicitando a troca das placas, anulação das multas e baixa na pontuação da habilitação. Em 2018, foram abertos 474 processos, com 276 decisões favoráveis aos reclamantes.

Na apuração de suspeita de clonagem, o órgão de trânsito faz a perícia no veículo original, confere a documentação do proprietário e do carro e analisa todas as provas, como fotos e vídeos, para a emissão de um parecer. “A apuração é um trabalho minucioso, que requer tempo e cuidado, para termos uma decisão com segurança jurídica. Depois de dar entrada ao processo, o cidadão pode pedir o efeito suspensivo das multas, se for fazer o licenciamento ou transferência do veículo, enquanto o processo estiver em andamento”, explica o diretor-geral do Detran-BA, Rodrigo Pimentel.

BAHIA: 3 toneladas de maconha é apreendida escondida em caminhão

POR: G1

Uma carga de 3,2 toneladas de maconha foi apreendida escondida em um caminhão, na manhã deste domingo (10), na BR-116, trecho da cidade de Jequié, no sudoeste da Bahia.

Segundo informações da Polícia Rodoviária federal (PRF), a droga estava escondida em meio a caixas de verdura vazias.

A PRF informou que, durante fiscalização de rotina, policias rodoviários abordaram o caminhão na altura do Km-677. Eles observaram que o compartimento de carga do veículo estava repleto de caixas de verdura vazias.

Ao perguntar ao motorista sobre os detalhes da viagem e solicitar os documentos obrigatórios para fiscalização, ele informou que fora contratado para buscar castanhas em Feira de Santana, cidade que rica a cerca de 100 quilômetros de Salvador, e que, em seguida, retornaria para a cidade paranaense de Paranavaí, de onde saiu.

Os agentes então realizaram uma busca minuciosa no caminhão e, no compartimento de carga, quando flagraram 160 pacotes da droga escondidos abaixo das caixas vazias. O entorpecente foi pesado, totalizando 3.250 quilos.

Ao ser questionado sobre a maconha encontrada, o homem de 39 anos revelou que havia sido contratado para levar o caminhão até Feira de Santana e que receberia R$ 30 mil reais. Diante do flagrante, os policiais deram voz de prisão ao condutor.

O motorista, o caminhão, uma quantia de R$ 364 em espécie, três aparelhos celulares uma sacola de cor preta com roupas de uso pessoal e as 3,2 toneladas de maconha foram encaminhadas para a Polícia Civil local.

Record e SBT recebem 52% da verba do governo federal destinada à publicidade

As emissoras Record e SBT receberam 52% da verba para publicidade televisiva empenhada pela Secretaria de Comunicação da Presidência da República (Secom), entre janeiro e outubro deste ano.

O número corresponde a R$ 14,1 milhões, segundo dados do próprio portal da Secom. A Record liderou o empenho com R$ 7,9 milhões, enquanto o SBT ficou com R$ 6,2 milhões.

O montante destinado à publicidade pode ser utilizado para divulgar atos, obras, programas e políticas públicas do governo federal. Ainda segundo a base de dados da própria secretaria, foram esses recursos que bancaram a campanha da Nova Presidência, principal ação contratada em 2019.

Enquanto isso, a Globo, que detém 36% da audiência da televisão aberta recebeu R$ 4,1 milhões, o que equivale a 18% dos recursos da Secom.

Por meio de nota, a Secom afirmou que “os critérios de seleção e de participação de veículos depende dos objetivos de campanha e, não necessariamente, são representados pelos índices de participação de audiência, visto se tratar de uma informação modulada a partir do público-alvo a ser impactado com a publicidade e da cobertura geográfica”.

“Além dos índices de audiência são observadas outras variáveis, tais como, afinidade, perfil e segmentação de público, e relação custo-benefício, entre outros, conforme previsto na Instrução Normativa Secom nº 02, de 20 de abril de 2018”, acrescentou.

Os números levam em conta o ano de empenho, que é a etapa em que o governo reserva o dinheiro para uma contratação. Ainda de acordo com a Secom, “há valores que foram empenhados porém ainda não foram pagos”.

Os dados originais da Secom podem ser encontrados neste site.











rl consultoria




web