Secretário da Saúde de Salvador, Leo Prates, afirmou à Rádio Metrópole, nesta segunda-feira (30), que não tem “obsessão” para suceder o prefeito ACM Neto (DEM) nas eleições em 2020. “Eu não tenho obsessão por 2020. Eu tenho sonho de ser um dia prefeito de Salvador, mas isso não precisa necessariamente ser em 2020. Eu não tenho obsessão. Estou à disposição da cidade de Salvador e do prefeito”, disse o secretário durante o Jornal da Cidade.

Na oportunidade, ele disse que apoiaria o vice-prefeito e secretário de Obras, Bruno Reis (DEM), como pré-candidato à prefeitura da capital baiana, caso fosse a escolha de Neto. “Essa é uma discussão interna. Ele tem a preferência por ser vice-prefeito. Cabe a ele fazer a construção devida. Assim que o prefeito decidir, se Bruno for o escolhido, será candidato do meu coração e se eu for escolhido serei o candidato do coração dele”, avaliou.